Atividades de contoexpressão, comportamento, contoexpressão, Cursos, Dicas escritores, educação emocional, Sem categoria

Quer conhecer as técnicas de CONTOEXPRESSÃO? Curso de Educação Emocional e Terapia através de Contos. São Paulo, Curitiba e Minas Gerais.

Já é uma realidade!!! Vocês me escreveram incontáveis mensagens, pedindo para que eu preparasse um curso para ensinar a Técnica que utilizo. Estarei de gira pelo Brasil durante dois meses!!!! Curso de Contoexpressão: Educação Emocional e Terapia através de Contos.

Anúncios
Sem categoria

Já é oficial: Lançamento do Conto “Carlota não quer falar” no Brasil. Editora Grafar

Como muitos de vocês já sabem, em abril deste ano o meu livro infantil foi lançado na Espanha, através da Editora Sar Alejandría (link sobre o lançamento). "Carlota não quer falar" é um livro que está formado por um conto interativo + guia didático + Ludo das Emoções com 30 Cartas (clica aqui para conhecê-lo melhor). Este… Continuar lendo Já é oficial: Lançamento do Conto “Carlota não quer falar” no Brasil. Editora Grafar

artigos sobre contoexpressão, Artigos sobre contoexpressão e contoterapia, comportamento, contoexpressão, educação emocional, Sem categoria

Minha Experiência: TDAH, educação emocional e contoterapia. Realmente funciona?

(Para leer la entrada en castellano pincha aquí) Oi, tudo bem? Hoje quero compartilhar com você um tema que vivo no meu dia a dia. Sou hiperativa, tenho a necessidade de fazer mil coisas ao mesmo tempo para sentir-me viva. Além disso, tenho um fluxo mental comparável às Cataratas do Niágara. Bem, mas não é… Continuar lendo Minha Experiência: TDAH, educação emocional e contoterapia. Realmente funciona?

Escrever, lugares que convidam a escrever, Poesia

Lugares que me convidam a escrever: Alejandro

Dorme, meu coração, porque enquanto sonhas velarei por ti. Estás tão sereno que ninguém diria que acordado tu és meu tsunami e minha alegria. Segues crescendo, meu amor, mas enquanto eu seja a tua “mamá querida” te guardarei nos meus braços e te encherei de carinhos. Já virá o dia em que terás vergonha de fazer-me mostras de afeto em público. Mas ainda assim, te olharei nos olhos e ali, escondido dentro de ti, verei todo o amor que tens por mim. Descansa entre sonhos, minha vida, e perdoa-me por todos os erros que cometi pelo caminho. Eu sei que foram muitos! No entanto, se há algo que possa dizer em minha defesa, é que me equivoquei, não por amor pouco, sim por amar intensamente e desejar que fosses o melhor de mim. Ah, “mi niño”! Não entendo como pudeste transformar toda minha vida em tão pouco tempo. Me mostras-te que me falta paciência, me sobra intolerância e ainda assim me amas. Sigo aprendendo, “cariño”, porque contigo estou no caminho... espero caminhar ao teu lado durante muitos anos. Dorme, meu coração.