Apatia, empatia, simpatia, compartia e outras tias.

(Para leer el texto en español pincha en: Empatía)

Apatia, simpatia, compartia, empatia, e outras tias.

A jovem caminhava com passos firmes e constantes pelo centro da cidade, quando observou uma multidão gritando com cartazes nas mãos. Aproximou-se do grupo com a mesma determinação que sempre a acompanhava e ficou escutando suas demandas por um salário e condições laborais mais dignas. Sempre sentiu simpatia pela situação dos profesores, por isso resolveu ficar um pouco mais.  .

_ Vocês acham que recebemos um salário digno? – Perguntou um professor com o microfone nas mãos.

_ Não! – Responderam todos em uníssono .

_ Vocês acham que somos tratados com respeito?

_ Não! – Responderam outra vez, somando-se, entretanto, a voz firme e potente da jovem, que naquele momento já compartia a indignação do grupo.

_  Os políticos deven saber que existimos, que somos essenciais para a sociedade, e que não nos deixaremos massacrar por eles.

_ Isso mesmo! – gritou a jovem, pulando no meio da multidão.

_ Por que não invadimos a prefeitura? Devemos exigir uma solução para já. Chega de esperar. Vamos já! – Deixando o microfone de lado, o homem saiu correndo seguido da multidão e também da jovem, que naquele momento só pensava em “conquistar o mundo”.

Decidida a ser escutada a multidão invadir a prefeitura, provocando grande confusão entre os funcionários, que não tiveram tempo de frear a avalanche de pessoas. Sem encontrar resistência o grupo instalou-se no plenário, exigindo a imediata presença do prefeito. E ali estava ela, a jovem determinada que desconhecia a palavra apatia.  Gritava com tanta garra e movia-se com tanta soltura, que ninguém imaginou tratar-se de “um corpo estranho”. Por algum motivo que ela desconhecia, corria pelas suas veias a mesma indignação sentida por aqueles  desconhecidos.

_ Você acha que o prefeito virá aqui? –  Perguntou uma senhora de óculos, com voz duvidosa, sentada ao seu lado.

_ Não sei se ele terá coragem. Mas se ele não tiver, nós devemos invadir a sua sala. – Respondeu a jovem sem duvidar em fazê-lo se fosse necessário.

_ Puxa, que determinação você tem! Eu não sou assim. Aliás, só estou aqui porque todos os professores do colégio onde dou aula também vieram. Em qual colégio você trabalha?

_ Ah! Eu não sou professora. Estava passando pela rua e como sentia simpatia por vocês, me deixei levar.  – Enquanto a senhora de óculos olha perplexa à jovem, esta sobressaltava-se ao olhar o relógio.  – Puxa! Que tarde é! Tenho que ir embora antes que fechem o correio.

Levantou rapidamente e caminhou pelo corredor carregando consigo toda determinação que a caracterizava.


Agora diga-me: Você encontrou a empatia?

Espero que sim. Resolvi compartilhar esse texto, porque acredito na importância de fazer crescer dentro de nós a EMPATIA. Devemos exercitar constantemente essa capacidade de colocar-se no lugar do outro, ver as coisas através dos seus olhos e sentir com os seus sentidos.

A empatia é uma arma muito poderosa para combater o egoísmo e o preconceito. 

(A capacidade de colocar-se no lugar do outro é uma das funções mais importantes da inteligência. Demostra o gral de maturidade do ser humano.

Empatia por Augusto Cury

Esse texto que escrevi está baseado em uma situação real e é uma homenagem à minha irmã Francine, uma mulher determinada e cheia de empatia.

Se você quer ler mais sobre a empatia, deixo outro texto onde falo sobre os Neurônios Espelho e a sua relação com a empatia.

Lembre-se que “A Caixa de Imaginação” é um instrumento de comunicação bilateral. Será um prazer ler e responder aos seus comentários. Obrigada por passar por aqui e até logo.

Anúncios

Um comentário sobre “Apatia, empatia, simpatia, compartia e outras tias.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s